Uma das principais vantagens de ser freelancer é ter a liberdade de fazer o trabalho no seu ritmo. Mas quem trabalha por conta própria sabe que nem tudo é um mar de rosas, o que muitos não percebem, falando aqui especialmente daquelas que estão se aventurando agora a trabalhar sozinhos, é que a gestão do tempo é realmente uma habilidade que qualquer freelancer precisa saber administrar, ou todas as vantagens de trabalhar em casa e ser seu próprio patrão, cairão por terra.

Aos novatos, eis algumas dicas adaptadas do artigo “Time Is Gold: Time Management Tips For Freelancers” de Clarissa Wilson que podem facilitar no dia-a-dia.

Prazo é sagrado

Perder um prazo é quase um sinônimo de se queimar no mercado, principalmente para você que está começando agora e ainda não construiu sua reputação. Se você está passando por problemas ou uma fase ruim, se pegou muitos jobs ao mesmo tempo, se seu computador explodiu ou o programa travou, não importa, lembre-se, você escolheu pegar o trabalho freelance e os clientes não se interessam por seu problemas pessoais. Acredito que aqui podemos aplicar aquele ditado eternizado por Marquês de Maricá “não espereis moralidade de quem não tem pontualidade”, pode acreditar, o mercado lá fora acredita muito nisso!

Questões de qualidade

Como freelancers, são vocês mesmos os responsáveis pela qualidade do trabalho. São os próprios editores, revisores ou críticos. Mas como entregar o trabalho com qualidade se os prazos nem sempre ajudam? Para que um trabalho obtenha a qualidade desejada existem habilidades de gerenciamento que otimizam seu tempo. Mas sabemos que o que funciona para uns pode não funcionar para outros. No entanto é experimentando que encontramos nosso próprio caminho. Eis algumas orientações que podem ajudar:

Manter uma rotina

Se você acorda todos os dias às 9h, toma seu café da manhã e em seguida começa a trabalhar, cumpra sempre essa mesma dinâmica como se toda a sua vida dependesse disso. Depois de quebrar a rotina algumas vezes, se tornará muito mais fácil para você dar desculpas de o porquê está descansando ao invés de estar trabalhando.

Mantenha-se longe de distrações

Colocar aquele álbum para tocar enquanto se trabalha é bom, quando as músicas não te levam a memórias e lembranças que te façam perder o foco… Evite televisão ligada, nada de “só uma atualizadinha do meu status” etc. Também é imprescindível que você saiba explicar para sua família ou pessoas que moram com você como funciona sua rotina. Só porque você trabalha em casa não significa que eles podem perturbá-lo a qualquer hora. Tempo é ouro. Quanto mais cedo você cumprir seus prazos, mais tempo terá para suas demais tarefas.

Programação a cada hora

Lembra-se do colégio? Para cada disciplina havia um período determinado, certo? Por exemplo, você estudava nos primeiros períodos português e literatura, fazia seu intervalo e depois estudava geografia e história… todas as matérias tinham um tempo pré-determinado e dessa forma você alcançava um nível de aprendizado diário. Então por que não fazer uma programação de seu tempo de trabalho também? Isso poderá guiá-lo e dizer se você está gastando muito tempo em uma tarefa ou não.

Faça pausas

Assim como em um escritório, é importante tirar suas pausas habituais. Se você preferir fazer pequenos intervalos, certifique-se que não é mais do que 30 minutos. No entanto, se você preferir e for adaptado com pausas um pouco mais longas, faça com que você consiga recuperar o tempo perdido depois.

Não seja um escravo do tempo

O tempo é seu, é você que determina de que forma é melhor cumprir os prazos combinados com o cliente, se trabalhando pela manhã, na madrugada, virando a noite… Só tenha cuidado, não esqueça que freelancer também tem vida, não seja escravo do tempo!